19 exames de gravidez que você precisa fazer durante a gestação

19 exames de gravidez que você precisa fazer durante a gestação


Agora que você já sabe que está grávida de um lindo bebê, a primeira coisa a fazer é se preparar para os exames de gravidez e escolher um médico que se identifique com você, conforme mencionei neste post: 14 principais sintomas na gravidezSintomas de gravidez nas primeiras semanasComo cuidar do corpo na gravidez Por que o Pré-natal é importante? Você deve marcar uma consulta e começar rigorosamente todos os cuidados para o pré-natal, que é de extrema importância na vida da mamãe e do bebê, e fazer principalmente os exames de gravidez que são vários no decorrer da gestação. Vou listar 19 exames de gravidez que são obrigatórios para qualquer gestante. Para facilitar o entendimento, organizei os exames por trimestre da gestação, assim você saberá exatamente quais precisará fazer a cada trimestre. Todos que irei listar aqui são recomendados pela OMS – Organização mundial de Saúde. Vamos começar?

Exame de gravidez – 1º trimestre – até a 13ª semana

O primeiro trimestre é o que terá mais exames. São estes aqui:

1 – Ultrassonografia endovaginal ou transvaginal: confirma a idade gestacional que em torno da 7ª ou 8ª semana já aparece. É também para garantir que a gravidez está dentro do útero, se é gestação única ou gemelar e se os batimentos cardíacos do bebê estão bons.

2 – Ultrassonografia morfológica do 1º trimestre: assegura se o bebê apresenta sinais de má formação, doenças genéticas, como, por exemplo, a Síndrome de Down, e é aconselhável entre a 11ª e 13ª semanas.

3 – Citologia oncótica: é o famoso Papanicolau. Investiga câncer de colo uterino e infecções vaginais.

4 – Hemograma completo: esse exame verifica na gestante sinais indiretos de infecção, anemia, entre outros.



5 – Glicemia de jejum: exame importante para verificar possíveis diagnósticos de diabetes gestacional.

6 – Sorologia sífilis - analisa a existência do microrganismo treponema pallidum, que causa a doença sexualmente transmissível, e pode provocar má formação se não for tratada o mais rápido possível.

7 – Urina 1 e Urocultura: verifica se a paciente apresenta alguma infecção urinária. Se esta não for tratada rapidamente, pode levar ao trabalho de parto prematuro. Esse exame deverá ser repetido a cada trimestre.

8 – HIV: Identifica se há o vírus da AIDS.

9 – Hepatite B e C: avalia a existência do vírus que causa Hepatite B e C.

10 – Tipagem sanguínea: resumidamente é para saber se o sangue do pai é compatível com o da mãe.

11 – Rubéola: verifica se a gestante contraiu a doença, pois esta pode causar problemas cardíacos e cerebrais no bebê.

12 – Toxoplasmose: verifica se a mamãe de alguma forma está infectada pelo protozoário Toxoplasma gondii, transmitido pelos animais.

13 – Citomegalovirus: se esse vírus passa para o bebê, pode haver problemas de baixo peso, além de ser a principal causa de surdez, entre outros problemas.

Além desses, seu médico pode solicitar outros exames específicos. Geralmente, esses são os obrigatórios.

Exames de gravidez-primeiro trimestre

Exames de gravidez – 2º trimestre – da 13ª até a 28ª semana

No 2º trimestre é um alívio, praticamente só haverá dois exames:

14 – Ultrassonografia morfológica do 2º trimestre: esse exame já consegue medir todos os órgãos do bebê, o desenvolvimento e até a quantidade de líquido amniótico (entre a 22ª a 24ª semanas).

15 – repetir todos os exames do 1º trimestre acima, exceto 1, 2 e 3. O resto é aconselhável repetir para análise no final do 2º trimestre.

2 trimestre exames

Exames de gravidez – 3º trimestre – 30ª a 42ª semanas

16 – Teste de sobrecarga com glicose: importante para avaliar a diabetes gestacional que pode aparecer depois no começo do 3º trimestre.

17 – Dopplervelocimetria colorida e ultrassom obstétrico: avalia o fluxo sanguíneo nos vasos do bebê, resistência vascular, a quantidade de líquido amniótico, o desenvolvimento e peso do bebê.

18 – Pesquisa de bactéria estreptococo B na cultura de secreção vaginal: se confirmada a presença dessa bactéria na vagina e ânus, é aconselhado fazer antibióticos na hora do parto para proteção do bebê.

19 – Cardiotocografia: nesse exame você saberá se os batimentos cardíacos do bebê estão de acordo com o esperado e se a mamãe já está tendo contrações de treinamento, que é uma simulação do trabalho de parto.

Exames de gravidez terceiro trimestre

Bem, mamãe, esses foram os 19 exames de gravidez que pesquisei e tentei passar de uma forma rápida e prática, até porque os detalhes o seu médico poderá explicar. Lembre-se de que, mediante o seu quadro, pode ser que seu médico peça outros exames específicos!

Sempre peça orientação médica para seu obstetra, esse profissional tem o dever de orientá-la da melhor forma para que a sua gravidez ocorra bem, tranquila, para que você possa segurar o seu bebezinho nos braços supersaudável e lindo.

Se você gostou desse post, peço que compartilhe nas suas redes sociais para que outras mamães possam se informar de todos esses exames. Se por acaso eu me esqueci de algum exame, peço que deixe aqui nos comentários. Até o próximo post.

Um beijo grande!

Posts que você vai adorar

 5 passos de como programar a primeira gravidez
 Os gastos durante a gravidez
 20 ideias de fotos de gestantes
 Dicas de vestidos de grávidas
 Saiba mais sobre a diabetes gestacional
 Quero engravidar: 4 fatores que podem estar lhe impedindo de ser mãe

cometario_dicas-da-japa

Se você ainda não me segue nessas redes sociais, sempre posto várias dicas bacanas por lá!

Dicas da japa facebook

Dicas da Japa Instagram

Dicas da Japa-Google plus

Dicas da Japa - Twitter

Olá, Mamãe! Fique por dentro das novidades. =)
Coloque o seu e-mail aqui para receber em primeira mão as atualizações do meu blog.




Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>