Como congelar papinhas de bebê

Como congelar papinhas de bebê


O sonho de todas as mamães é ver o bebê comer bem e de forma balanceada, não é mesmo?
Para quem quer praticidade na hora de começar a oferecer as primeiras papinhas do bebê, a melhor opção será preparar todos os dias uma papinha fresquinha. Mas não são todas as mamães que têm tempo para todos os dias fazer a papinha do bebê. A alimentação complementar é oferecida após os 06 meses de vida, conforme expliquei neste post aqui: Alimentação saudável para o seu bebê e Dicas das primeiras papinhas de bebê.
O ideal seria já encontrar as refeições prontas na quantidade correta. Porque o cardápio varia de acordo com o peso, a idade e o gosto de cada criança.
E nesse desenvolvimento, é muito importante frisar que as papinhas deverão ser preparadas conforme a orientação do seu pediatra.

Veja algumas vantagens da papinha feita em casa :

 A maior vantagem é que seu filho vai comer a comidinha que você fez com tanto carinho pensando no bem-estar dele. E isso é maravilhoso! : )
 Como foi você que escolheu os alimentos saudáveis e fresquinhos e o cardápio, sabe o que, de fato, seu bebê está consumindo!
 Quando cozinhamos em casa, sem alma de dúvida, sai mais econômico do que comprar comida pronta, você consegue fazer várias combinações diferentes. Além de economizar financeiramente, economizará no tempo que poderá ser utilizado para passar mais tempo com a família!!

papinha-para-bebe

Papinha congelada

Aprender a congelar papinhas para o baby é uma ótima opção para quem busca praticidade e rapidez. Se você conseguir tirar um dia para preparar as papinhas, poderá render 01 mês de papinha para o bebê. Primeiramente, vamos saber quais alimentos não podem ser congelados.
É PROIBIDO CONGELAR:
Ovos, folhas de verduras como alface, agrião, rúcula e vegetais crus, algumas frutas como pera, manga e a banana. Legumes como tomate cru, pepino, rabanete. Batatas cozidas, também não. Se estiverem na forma de purê pode. Já as folhas usadas para temperar refogados, como salsinha e coentro, podem ser congelados sem problemas.

papa-de-cenoura-e-ervilha

Como fazer o branqueamento

Se você for congelar hortaliças é necessário usar o branqueamento.
Deve ser feito em todas as folhas e legumes para preservas os nutrientes e características físicas do alimento e respeitando o tempo de cada um.
Passo a passo
Deixe ferver bem a água.
Coloque o alimento no escorredor, conforme o tempo necessário que gera em torno de 2 a 8 minutos. Após esse tempo, transfira o alimento para a água gelada para dar o choque térmico. Após passado o mesmo tempo que ficou na água quente, deixe escorrer bem a água e depois congele.
Obs: frutas não precisam de branqueamento!



Recipiente para congelar

Bom, há vários recipientes, mas os mais indicados são o de vidro e silicone, inoxou saquinhos próprios para o congelamento (cuidado com os tipos de plástico, alguns contêm o chamado Bisfenol A, e quando ele é exposto a temperaturas variadas, acaba soltando substâncias negativas). Antes de comprar, certifique-se que ele é livre de Bisfenol A.
Uma maneira moderna e super fácil de manusear são as famosas forminhas de gelo, ou saquinhos próprios. E sempre escrever no recipiente o tipo de alimento que contém ali a data da validade para maior controle.

Os cuidados na hora de congelar

Quando forem preparar os alimentos para o congelamento, separem cada sabor para que não sofra alteração no descongelamento. Quando os sabores se misturam, podem amargar e sofrer alteração no gosto / paladar. Como o bebê estará aprendendo a identificar os sabores, o ideal é que ele vá se acostumando com um sabor de cada vez, por isso, acrescente outros alimentos, um por vez. E se, por acaso, a papinha foi descongelada ou tenha sobrado, não deverá retornar ao freezer, principalmente as que o bebê deixou. Ela já teve contato com a saliva que possui uma infinidade de bactérias.

Descongelar de forma correta

Na hora de descongelar, requer um cuidado especial. Podemos descongelar um dia antes tirando do freezer para a geladeira, ou se preferir, tirar do freezer diretamente ao fogo em formato de banho-maria, melhor ainda.
No freezer, as papinhas costumam durar até 03 meses e no congelador de uma geladeira comum, aproximadamente 01mês.

Meninas, uma dica muito valiosa é tentar cozinhar os alimentos separados, assim, vocês conseguem congelar porções pequenas e oferecer ao bebê, evitando desperdícios. E aos poucos, poderão montar combinações diferentes e isso é muito bom para vocês identificarem qual papinha o bebê mais gosta.

Espero que vocês tenham gostado das diquinhas! Se tiverem outras dicas para compartilhar aqui no blog, fiquem à vontade! Basta comentarem no campo logo aqui abaixo.

Um grande bjinho, aguardo a sua mensagem!!

Veja também:

Infográfico – Guia para Grávidas

Lista de enxoval de bebê – Alimentação – parte 3

20 ideias de fotos de gestantes

Guia de gestação semana a semana – 1ª a 4ª semana

Guia de gestação semana a semana – 5ª a 6ª semana

Dicas de vestidos de grávidas

Importância do pilates na gravidez

O que as mamães devem comer na amamentação

6 dicas para pedir no chá de bebê – Lista de presentes baratos

cometario_dicas-da-japa

Esses são os canais do blog nas redes sociais, espero vocês lá:

Dicas da japa facebook
Dicas da Japa Instagram
Dicas da Japa-Google plus
Dicas da Japa - Twitter

Olá, Mamãe! Fique por dentro das novidades. =)
Coloque o seu e-mail aqui para receber em primeira mão as atualizações do meu blog.




Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>